Monday, July 16, 2007

um muro, uma palavra






















"israel tem o direito de existir, é claro. mas não no país dos outros."

"não leio nenhum jornal que utilize a palavra terrorismo. utilizar esta palavra é o mesmo que dizer: tenha medo."

robert fisk, no programa roda viva.

7 comments:

César xrmr said...

sábio conselho: escolher os jornais segundo as palavras que esses escolhem.

Waipu Joan said...

que bonita fotografia!
Robert Fisk es un excelente periodista que tiene las ideas muy claras i The Independent un fenomenal periódico inglés. Un saludo Joice!

Ulysses Dutra said...

Grande Robert Fisk!

joice said...

o cara tem uma lucidez e uma capacidade de expressá-la que realmente impressiona, pessoas.

e acho que essa sabedoria do critério para escolher os jornais que lê (e os que não lê!) reflete tão bem isso.

Láldert Castello Branco said...

Eu assisti a entrevista no Roda Viva. Deveria ser lição de casa para todo jornalista. O Fisk Só cresceu no meu conceito.

Claudia Cardoso said...

Joice, eu buscava esta imagem, que havia visto em alguma página e, na ocasião, não salvei em meus arquivos. No mais, lastimo ter perdido o Roda Viva em que Fisk foi o entrevistado. E os "jornalistas" convidados, estiverma à altura? Creio que não...

joice said...

salve Claudia! peguei esta imagem outro dia numa das andanças internéticas e depois nunca mais lembrei (pra variar) de onde tinha tirado, e por isso não incluí o crédito da fonte.

mas sabe que o time de entrevistadores desta vez nem foi tão ruim! acho que como a entrevista foi feita na Flip, acabaram dando um enfoque mais literário e chamaram um pessoal mais qualificado. até pq seria uma vergonha imensa colocar aqueles ignorantes dos jornalões pra entrevistar o Robert Fisk, que massacraria facilmente qualquer um deles.
abração Claudia!