Wednesday, May 23, 2007

aquecimento global, auto-crítica e uma promessa














pra você ver como são as coisas, e a importante tarefa social dos cartunistas. ri muito, de mim, ao me ver nesta ilustração do bob englehart no site da telesurtv ontem. não sou usuária de fast food, mas confesso que vez ou outra adoro dar um discursinho e pregar uma moralzinha plástica quando me oferecem sacolinhas plásticas por aí (sobretudo quando se trata de algo que caiba perfeitamente na bolsa ou mochila que já são como prolongamentos do corpo), para logo em seguida sair rua afora alegremente poluindo com meu carrinho. tá certo, mas a pessoa vai aprendendo. o caso é que é sempre muito mais fácil julgar a atitude alheia, e isto é fato. e ao dizer isso agora chego a quase entender estas pessoas todas que parecem saber muito melhor que eu sobre o que devo fazer, onde, como, quando e com quem.
mas tudo bem. normalmente digo que não prometo nada, mas daqui pra frente prometo usar mais a bicicleta, prometo, tá prometido.

4 comments:

zealfredo said...

Acho que foi o Millor que disse: "Ética é o que demandamos que os outros façam."
:))

joice said...

taí um bom parâmetro!

Tondo Rotondo said...

Vivo retrato da realidade. Recicla, mas não vejas as coisas importantes.

joice said...

numa tentativa de mudar algo nisto, vamos nos observando, tondo rotondo, olhando para nós mesmos com o mesmo olhar implicante e crítico que usamos para olhar os outros. bem como verbalizar, expor, dialogar a respeito, provocando. me parece um bom exercício.. uma tentativa.
um abraço, tondo.